Comer açaí pode dar Chagas!

Difícil acreditar que uma das frutas mais saborosas da região norte poderia passar uma das doenças mais assustadoras do Brasil, mas sim acontece!



O assunto virou notícia em muitos sites bolados da internet, estando presente até em telejornais na tv aberta. O caso é que a ingestão do açaí tinha sido posto a cheque por ser de difícil percepção, na extração e na retirada da popa, feita estas por trabalhadores locais.

  Chagas

A chagas é uma doença realizada por um protozoário, Trypanossoma cruzi, que pode ser transmitidas de duas formas: através da picada do Barbeiro (Treatoma), ou pela ingestão de  alimentos contaminados.

A primeira forma de transmissão, a clássica, acontece após o artrópode Treatoma fazer a hematofagia, que é a obtenção de energia através dos componentes do sangue. Posteriormente a alimentação do mesmo, o barbeiro defeca sobre ou próximo ao local da chupada depositando os tripomastigotas, que são protozoários flagelados que estavam na sistema digestivo do Treatoma. Devido à lesão do local da chupada, o local sofre um processo de inflamação ocorrendo a irritação e prurido levando a vitima coçar a área conduzindo aos tripomastigotas a adentrar o local da ferida e alcançando a corrente sanguínea.

Retirado de Gazeta do Povo

Este protozoário possui um peculariedade singular, para evoluir seu ciclo vital este depende de células de defesa mononucleadas, Linfócito B por exemplo, para se tornarem amastigotas e se reproduzirem. Dentro da corrente sanguínea este estadio do Trypanossoma cruzi é fagocitado facilmente. Este consegue romper a fagolisossoma (organela onde as enzimas proteolíticas e hidrolíticas, espécimes reativas de oxigênio vão digerir o parasita) e infectar a célula se reproduzindo em seu citosol até romper a membrana plasmática da mesma. 



A transmissão oral, ou indireta, não é transmitida  do vetor pela picada, Este  tipo de transmissão ocorre também pelas fezes, mas estes encontrados nos alimentos, como o açaí, tendo a interiorização feita através da digestão, onde nos intestinos, os protozoário alcançam a corrente sanguínea.

A infecção por este parasita pode implicar em doenças vasculares, como aumento no coração, a cardiomegalia.

Calma, Relax 😉

Embora assustador esta apresentação de chagas, isto não significa que não tenhas que tomar uma garapa ou açaí geladinho. Pode ocorrer de ingerir fezes de barbeiro, mas nem todo barbeiro possui o protozoário, somente os que adquiriram através da hematofagia de animais contaminados pela tripanossomíase. 

Vale ressaltar que a transmissão oral se da pela deficiência na higiene do alimento, então é sempre bom saber a procedência e como aquele alimento foi extraído e processado. 

 

Gozai a vossa bela saúde; só é jovem quem passa bem.

Voltaire, retirado de “Pensador