Como os Aviões podem te Ensinar Física: gás nitrogênio.

Oi e seja bem-vindo à nossa série C.A.P.E.F., neste capítulo iremos apresentar, de uma forma bem simples, assuntos que aprendemos na matéria de Física.

160112140003_trem_de_pouso_640x360_thinkstock_nocredit

O nascimento dessa série veio com a minha curiosidade sobre os aviões. As minhas primeiras implicações sobre o assunto, eram geralmente, sobre os mimimis e particularidades que um avião poderia ter; Tubulações de titânio, sistema Fly-by-wire, …ect; mas a minha maior implicação era: Por que os trens de pouso (roda, vulgarmente) são calibrados com nitrogênio?

Primeiramente, vamos comparar:

A princípio, olhando a grosso modo, não são somente pneus. Se compararmos o trem de pouso de avião da Boeing, por exemplo, com o conjunto de pneus de um Hilux, observaremos muita diferença; já que um é feito para comportar mais peso; Se expor só esse argumento já responderia, mas as diferenças não acabam por aí, um trem de pouso tem um sistema de suspensão extremamente desenvolvido e articulado, preparado para o pouso até mesmo se estiver desalinhado.

os-pousos-de-avioes-mais-cabulos-940x528

Por mais assustador que se pareça, esta situação pode ser considerada “normal” na aviação.

No entanto, o nitrogênio tem sua explicação. O trem de pouso realiza regularmente, um papel muito complicado.

  1. Primeiramente, com o atrito ao chão, a borracha esquenta;
  2. Após a decolagem, o trem de pouso é recolhido para não criar arrasto (atrito dinâmico);
  3. Ao chegar à altitude de cruzeiro, devido a despressurização e a temperaturas negativas, a borracha então resfria;
  4. Na aterrissagem, o trem de pouso torna a tocar o solo e ganhar temperatura. Em segundos, as temperaturas negativas tornam-se acima de 100°C.

Essa é a grande resposta para a questão, o oxigênio, por ser mais denso e com menor ponto de ebulição, poderia causar problemas no voo, pois, quando o gás atinge o ponto de ebulição, ele se expande. Então, para não perder o tempo com esse problema, usaram o gás que é mais seguro, no caso Nitrogênio.

rthfgh

No quadro comparativo, vemos que o Oxigênio possui mais densidade e menor ponto de ebulição. Essa comparação com o gás nitrogênio foi essencial para a dissolução de alguns problemas.

Show neh, mas tem exemplos mais simples.  É por isso que se calibra o pneu de um automóvel quando ele ainda está frio.